Inicial >> Sono >> Problemas com Seu Relógio Biológico ?

Problemas com Seu Relógio Biológico ?

Problemas com Seu Relógio Biológico ?

Alguns problemas para dormir surgem como respostas à agressão exercida sobre o nosso ritmo biológico normal.


Corujas noturnas:

 

 

 

 


Indivíduos que têm maior energia ao entardecer, quando a grande maioria está cansada. Essas pessoas têm um ritmo de temperatura corporal diferente da normal, frio e lento pela manhã e com mais calor e energia pela noite. Para mudar o ritmo, necessita-se da reeducação de seus hábitos, através de terapia conduzida por especialistas.

 

Cotovias:
Indivíduos com uma síndrome oposta à anterior. Eles sempre acordam muito cedo, não importando a hora em que foram dormir. Com o passar dos anos, muitas pessoas dormem cada vez mais cedo e levantam-se antes do amanhecer. Para recompor o relógio biológico, necessita-se o mesmo esforço que no caso anterior.

Problemas com fuso horário:
Os aviões atuais cruzam oceanos e continentes em somente algumas horas, mas nosso organismo não está preparado para uma mudança assim tão brusca. Geralmente, diante de mudanças bruscas, o organismo necessita de um dia para recompor ou reajustar seu relógio biológico. Quanto mais avançada a idade, mais marcante será a desordem e mais lenta será a recuperação. Deve-se viajar de dia para descansar à noite e reiniciar a atividade no dia seguinte.


Trabalhos e turnos rotativos:

As pessoas que devem mudar seu trabalho de horário diurno para noturno têm média de
5 a 6 horas de sono e manifestam maior fadiga, problemas psicológicos, digestivos e até no casamento. Não importando os tipos de tarefas que desempenham, apresentam o dobro de distúrbios descansando, do que aquelas pessoas que trabalham sempre de dia. Por isto, os regimes de trabalho nestas condições são específicos e assegurados.


Promoções com Até 30% de Desconto


Dicas de Sono